FIDES

Faculdade de Ciências Econômicas do Espírito Santo

 


Curso de Ciências Econômicas

O curso de Ciências Econômicas tem grande procura na Fundação Gildasio Amado. A partir de 1997, teve o número de vagas ampliado, passando de 100 para 125. É um curso excelente, afinal, mais do que a profissão da moda, Economia é, hoje, uma necessidade básica em qualquer empresa ou órgão público.
Publicações especializadas atestam que nem mesmo o futebol ocupa espaço nos jornais como a Economia. Basta verificar que todos os grandes órgãos da imprensa divulgam diariamente opiniões de profissionais desta área. Isso sem contar as revistas especializadas no assunto.
É um curso que tem duração de cinco anos e conta em seu currículo com matérias como Economia Monetária, Desenvolvimento Sócio-Econômico, Economia Brasileira Contemporânea, Técnicas de Pesquisa em Economia, Elaboração e Análise de Projetos e Processamento de Dados, entre outros.
A Faculdade de Ciências Econômicas do Espírito Santo (FIDES) iniciou suas atividades em 1990 com o curso de Ciências Econômicas, que foi reconhecido pela Portaria número 1.821, de 27 de dezembro de 1994.
O profissional de Ciências Econômicas pode atuar no planejamento econômico, financeiro e administrativo, pesquisar e analisar o mercado e os preços, a renda nacional, conjuntura econômica, desenvolvimento econômico, custo de vida e salário; efetuar perícias e avaliações econômicas, determinar o nível ideal de preços de venda e apropriação de custos, prestar assessoria de economia e finanças, visando sempre o aumento de produtividade do patrimônio ou dos serviços em âmbito privado ou público.
Poderá atuar, também, como professor universitário. A Lei Federal N.º 1.411 de 13 de agosto de 1951, dispõe sobre o exercício da profissão Economista.
Os Avanços tecnológicos exigem cada vez mais aprendizagem profissional e foi pensando assim que a Fundação Gildasio Amado buscou a implantação de dois cursos de nível superior na área de informática. Ganha com isso Colatina e toda a região Norte, formando profissionais para atender um mercado sempre dinâmico.

Curso Superior de Tecnologia em Processamento de Dados

 
No Curso Superior de Tecnologia em Processamento de Dados, que oferece 80 vagas anualmente, o profissional é formado para enfrentar problemas ligados à ação computacional. É um especialista voltado para a utilização de computadores que processam informações para fins administrativos.
Em seus três anos de duração, o curso forma profissionais com várias opções de trabalho, como Operador de Sistemas, que tem encargos como instalação de software e administração do computador, Programador de Aplicações, que trata de pôr em prática o que o analista projetou, etc..
Boa parte dos profissionais dessa área são absorvidos por bancos, empresas de serviços, software houses e indústrias de tecnologia avançada. Outra alternativa para o Tecnólogo é se tornar auditor, envolvendo-se em questões de segurança de sistemas, como o combate aos terríveis "vírus" de computador.

Curso de Administração com Ênfase em Análise de Sistema

 
O curso de Administração com Ênfase em Análise de Sistema oferece 80 vagas anualmente e, como se pode entender, possibilita ao estudante dessa área fazer dois cursos ao mesmo tempo: Administração e Análise de Sistema.
Ou seja, em seus quatro anos de duração, este curso, além de dotar o futuro profissional com as atuais técnicas de administração, também o capacita para trabalhar com as mais recentes tecnologias da ciência da informática.
Assim, o futuro profissional estará habilitado a utilizar as técnicas de Informática em benefício da administração, fato este que o torna um administrador em sintonia com os progressos tecnológicos do seu tempo. As aulas práticas são ministradas em modernos laboratórios, equipados com o que há de melhor e mais avançado em tecnologia de computadores.


Diretor da FIDES